Washington aproxima-nos mais da guerra

– Todos os problemas podem acabar já se o Ocidente apoiar a desmilitarização da Ucrânia.

Paul Craig Roberts [*]

É importante compreender que, segundo as notícias, o governo dos EUA e a sua marioneta britânica estão a sancionar as pessoas de Putin e Lavrov no momento em que escrevo. Putin já disse que qualquer insulto deste tipo resultará na ruptura das relações diplomáticas. Ou os governos dos EUA e do Reino Unido estão a conduzir intencionalmente a situação para um conflito mais vasto ou são demasiado estúpidos para estarem no poder. Historicamente, uma ruptura nas relações diplomáticas é um passo em direcção à guerra.

A sanção é um insulto gratuito, pois Putin não tem bens no estrangeiro para serem congelados e duvido muito que Lavrov os tenha.

Claramente, Washington está a fazer todo o possível para inflamar a situação, não para reduzir as tensões. Todos os problemas podem acabar já se o Ocidente apoiar a desmilitarização da Ucrânia.

Ao invés disso, um governo americano louco, insano e psicopata está a empurrar o mundo para a guerra nuclear. Os republicanos conservadores e os democratas liberais imbecis estão unidos para inflamar uma situação perigosa. O mundo nunca viu tal irresponsabilidade.

Os americanos displicentes deixaram de prestar atenção por tanto tempo que, se a verdade for dita, a situação está fora de controlo. Há zero inteligência em Washington. No seu lugar está uma Russofobia cega. Não há peritos russos objectivos nos EUA para encorajar uma política externa sã. A análise objectiva é considerada como propaganda russa e ignorada. Tudo o que Washington tem feito conduz a um conflito com a Rússia. A mistura de uma total falta de objectividade com armas nucleares é a receita do desastre.

25/Fevereiro/2022

Ver também:
  • Ukraine Update #2, do mesmo autor
  • Day 3 of the Russian operation in the Ukraine, The Saker
  • Day 3 – Western PSYOPs in full overdrive, The Saker
  • Ukrainian propaganda in conflict with the truth, Batko Milacic
  • [*] Economista.

    O original encontra-se em www.paulcraigroberts.org/2022/02/25/washington-takes-us-a-step-closer-to-war/

    Este artigo encontra-se em resistir.info

    27/Fev/22