Legislativas 2015

Partido das sondagens

por César Príncipe

Cartoon de Faber. Para quando a criação de um TNM/Tribunal de Nuremberga Mediático? Os delinquentes andam à solta por Jornais, Rádios e Televisões e até fabricam sondagens ao minuto para dar cobertura aos seus crimes, ofuscando as mentes com projectores e projecções e atraindo os votantes para o seu campo de concentração de boletins: a sua carteira de encomendas. O complexo de camuflagem e manobragem está hiperactivo. Fez escola global. Nesta Casa Portuguesa, nestas Legislativas, levou mais longe o intervencionismo. Fez emergir, com toda a força e por todos os meios, uma nova agremiação na disputa cívica: o Partido das Sondagens. Estou ansioso por cumprir um dever humanitário e cristão: visitar em qualquer prisão de alta segurança uma série de expertos de guerra psicológica. Pessoal formado nas Escolas de Redução de Cabeças. Objectivo dos elaboradores e patrocinadores de campanhas:   transformar cada cabeça humana em cabeça de alfinete.

Espero que os nossos Códigos evoluam, se modernizem, se civilizem, incorporando tipologias penais que dêem resposta à crescente ousadia e impunidade da Comunicação Anti-Social.

03/Setembro/2015

Este artigo encontra-se em http://resistir.info/ .
03/Out/15